O que é o famoso mercado? Finanças & Investimento

Como exposto no título do texto e transformado em uma entidade pela imprensa e políticos, o que seria o famoso mercado financeiro?

A ‘entidade’ é responsável pela circulação da economia entre países, havendo trocas simultâneas de compra e venda em vários ativos financeiros.

E por qual razão a imprensa tende a transformar um ambiente de negócios como sendo um sujeito que expressa uma única vontade?

Depende do que está acontecendo em determinado país no momento.

Os seres humanos adoram o conforto e têm aversão aos riscos, algumas pessoas são mais sensíveis e outras menos a determinado risco.

Uma simples fala de algum chefe de Estado, uma decisão de restrição a determinada entrada de produtos e serviços em um país, um aumento de tributo em certas circunstâncias são suficientes para haver alterações na tomada de decisão das pessoas.

As emoções movem a economia em sua maior parte, da qual vai desde o consumidor até especuladores financeiros e grandes investidores, fazendo com que haja alterações na tomada de decisão entre comprar e vender determinado ativo ou mercadoria.

A famosa lei da oferta e procura impacta de maneira positiva e negativa os preços de algum ativo financeiro, ainda mais com a presença de fatores extra-econômicos, como uma simples fala inocente de algum ministro, algum CEO de empresa e etc.

Agora o impacto em algum país ou diversos destes depende da magnitude do discurso ou do fato ocorrido, imagine você possuindo ações da OGX quando o EIKE disse em público que estava com as mãos no pré-sal? Continue pensando neste momento quando tudo isso não passava de especulação vazia e a mesma empresa foi alvo de operações policiais, redundando o Grupo X todo em recuperação judicial.

Com toda certeza a ação subiu aos céus em determinado momento e derreteu da mesma forma em outra ocasião, por causa de fatos como este criou-se um medo do mercado financeiro.

Podemos ver o uso da razão impactando na economia e no sobe desce de ativos financeiros variados, assim faço uma pergunta caro leitor, você compraria tomates com a gôndola cheia ou vazia?

Esta pergunta serve pra estimular o uso da razão até em momentos de crise de modo a evitar pensamentos emotivos, aposto que existem pessoas que nem ligam para a diferença entre uma gôndola cheia ou vazia de algum alimento, o resultado só virá no bolso.

 

Autor: Guilherme Henrique Borges Silva

Advogado

Investidor e estudante do mercado financeiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *